Suscetibilidade a Processos Geodinâmicos e Aptidão à Urbanização na Bacia do Rio Maracujá, Ouro Preto, MG

Fazer Download...

Publicada em 06/06/2014

Discente: Tatiane R. Rangel de Carvalho

Resumo:

O trabalho está inserido no contexto do programa do governo federal intitulado Gestão de Riscos e Resposta a Desastres Naturais, criado em 2012 como instrumento para o enfrentamento dos desastres naturais ocorridos no Brasil, nos últimos anos, como, recentemente, na Região Serrana do Rio de Janeiro, que levou a morte mais de 900 pessoas. A pesquisa teve como tema central o mapeamento geotécnico voltado para o planejamento urbano, em escala 1:25.000, abordando as principais metodologias desenvolvidas em trabalhos brasileiros. O objetivo principal do trabalho consistiu no desenvolvimento de método para a elaboração de carta geotécnica de aptidão urbana, com a finalidade de fornecer a gestão pública diretrizes de mapeamento para a expansão urbana dos municípios, de forma a prevenir os desastres naturais. O estudo foi desenvolvido na bacia hidrográfica do rio Maracujá, numa área de 120 km2, no município de Ouro Preto. O método baseou-se na análise de suscetibilidade do meio físico aos processos geodinâmicos e no comportamento geotécnico do terreno e propõe o critério de exclusão para a definição das unidades geotécnicas, que leva em consideração aspectos geológicos, geomorfológicos, ambientais, legais e geotécnicos. O resultado foi o zoneamento da área em três unidades: alta aptidão à urbanização; média aptidão à urbanização; e baixa aptidão à urbanização. O método apresentou como principais vantagens o fato de ser direto, portanto, passível de replicação, sem a necessidade de procedimentos mais complexos; a execução de todo o procedimento em tempo relativamente curto; e a facilidade de obtenção das principais informações para a elaboração da carta geotécnica.

Abstract:

The work is in the context of the federal program entitled Risk Management and Disaster Response, created in 2012 as a tool for coping with natural disasters that occurred in Brazil in recent years, as recently in the Região Serrana do Rio de Janeiro, which led to death more than 900 people. The theme central of research was the geotechnical mapping focused on the urban planning, at 1:25,000 scale, addressing main methodologies developed in Brazilian studies. The main objective was to develop a method for preparation of geotechnical map of urban suitability, with the purpose of providing public management guidelines for mapping urban expansion of cities to prevent natural disasters. The study was developed in the region of the Maracujá River basin, in an area of 120 km2, in Ouro Preto. The method was based on susceptibility analysis of environment to geodynamic processes and geotechnical behavior of the land and proposes the exclusion criterion for the definition of geotechnical units, which takes into account geological, geomorphological, geotechnical, of the environmental e of the law and aspects. The result was the zoning of the area into three units: areas of high suitability for urbanization; areas of intermediate suitability for urbanization; and areas of low suitability for urbanization. The method has as main advantages the fact that direct, therefore, with possibility of replication without the need for more complex procedures; implementation the entire procedure in a relatively short time; and the ease of obtaining the main information for the preparation of geotechnical map.

Palavras-chave:

Planejamento urbano, aptidão urbana, escala 1:25.000, critério de exclusão.

Áreas de Concentração:

- Geologia de Engenharia e Geotecnia Ambiental
- Geotecnia

Orientadores:

- Frederico Garcia Sobreira

Outros Participantes:


Nucleo de Geotecnia da Escola de Minas | Campus Universitário Morro do Cruzeiro, S/N | Ouro Preto/MG - 35.400-000
Mestrado Acadêmico / Doutorado - 031 3559-1164
Mestrado Profissional - 031 3559-1508