Estudo de Metodologias Alternativas de Disposição de Rejeitos para a Mineração Casa de Pedra - Congonhas/MG

Fazer Download...

Publicada em 13/11/2007

Discente: Marcelo Marques Figueiredo

Resumo:

Atualmente, os rejeitos do processamento dos minérios são descartados em barragens de contenção em superfície, formadas através de barramentos convencionais (barragens de terra compactada), construídas com a utilização de materiais provenientes de jazidas de empréstimo ou com o próprio estéril e/ou rejeito gerado na mina e nas instalações de beneficiamento. Essas barragens, geralmente são construídas em etapas, com alteamentos sucessivos realizados preferencialmente por montante. Visando minimizar os impactos ambientais e os custos associados aos processos de contenção e recuperação de água do processo, as empresas vêm procurando novas alternativas de disposição desses materiais. No presente trabalho foram estudadas para a Mineração Casa de Pedra, metodologias alternativas de disposição de rejeitos, compreendendo: a disposição do rejeito granular na forma de aterro hidráulico (pilha de rejeito), a disposição de rejeitos desaguados (espessados) e/ou em pasta, e a co-disposição de rejeitos e estéreis em superfície. Dessa forma, visando a definição das metodologias propostas, foi feita uma caracterização tecnológica destes materiais, com base em resultados de ensaios de campo e laboratório realizados ao longo da vida útil do empreendimento. A partir dos estudos, pode-se concluir, preliminarmente, que os rejeitos gerados em Casa de Pedra tendem a apresentar condições tecnológicas favoráveis para disposição dos rejeitos granulares (rejeito da flotação) na forma de aterro hidráulico e para disposição dos rejeitos finos (lama da ciclonagem secundária) desaguados (espessados) e/ou em pasta. Com relação a co-disposição de estéreis e rejeitos, este método deverá ser melhor estudado para aplicação aos rejeitos da CSN, considerando sobretudo a previsão de utilização de estéril na construção da futura Barragem do Batateiro.

Abstract:

Currently, tailings from the ore processing have been discarded in surface containment dams, which are formed through conventional lathe bed constructed by the use of materials provided from “loan deposits” or by the own waste and/or tailings generated in the mine and improvement facilities. These tailing dams are usually built in stages with successive rising preferentially accomplished by upstream method. Seeking to minimize the environmental impact and the costs associated to the containment and water recovery processes, mining companies have been searching new alternatives for these materials’ disposal. This present paper is a result from an analysis of alternative tailings disposal methodologies for the Mining Casa de Pedra. The methodologies are: a) the disposal of granular tailings as a hydraulic fill technique; b) the disposal of drained tailings (thickened) and/or in paste; and c) the co-disposal of tailings and waste in the surface. In order to define the above mentioned methodologies, a technological characterization of these materials was developed. Preliminarily, it can be concluded from these studies that the generated rejects in the Mining Casa de Pedra tend to present favorable technological conditions for granular tailings disposal (flotation tailings) as a hydraulic fill and for thin tailings disposal (secondary cycloning mud), which might be drained (thickened) and/or in paste. Regarding to the co-disposal of wastes and tailings, this method must be studied to a greater extent in a way to apply to CSN’s tailings. It must be also considered the foreseen of tailing use in the future construction of “Batateiro Dams”.

Áreas de Concentração:

- Geotecnia Aplicada à Mineração

Orientadores:

- Romero César Gomes
- Terezinha de Jesus Espósito

Outros Participantes:


Nucleo de Geotecnia da Escola de Minas | Campus Universitário Morro do Cruzeiro, S/N | Ouro Preto/MG - 35.400-000
Mestrado Acadêmico / Doutorado - 031 3559-1164
Mestrado Profissional - 031 3559-1508